Elementos estruturais

Solicite proposta de fornecimento dos programas de CYPE

Vigas contínuas

O programa Vigas contínuas foi concebido para calcular, dimensionar e verificar pórticos de vigas contínuas de de betão armado, e aço laminado, composto e enformado (com diversas disposições da laje) a partir da introdução da geometria do pórtico e das hipóteses de cargas actuantes. O programa oferece listagens detalhadas de verificações dos estados limite últimos e desenhos pormenorizados com pormenorização das armaduras.

Tipos de vigas e disposição de lajes

Clique para ampliar a imagem

O programa Vigas contínuas possui os seguintes tipos de vigas:

Vigas de betão

  • Vigas planas
    • Viga plana rectangular
    • Viga plana em 'T'
    • Viga plana com banzo à direita
    • Viga plana com banzo à esquerda

  • Vigas altas
    • Viga alta rectangular
    • Viga alta rectangular com camada colaborante
    • Viga invertida rectangular
    • Viga alta em 'T'
    • Viga alta em 'T' com cabeça embebida na laje
    • Viga em 'T' invertida com cabeça embebida na laje
    • Viga invertida em 'T'

  • Vigas treliça
    • Viga treliçada plana rectangular
    • Viga treliçada plana em 'T'
    • Viga treliçada plana com banzo à direita
    • Viga treliçada plana com banzo à esquerda
    • Viga alta treliçada rectangular

  • Vigas com vinculação exterior
    • Apoio móvel
    • Apoio fixo
    • Encastramento

  • Vigas pré-esforçadas
    • Viga pré-esforçada plana rectangular
    • Viga pré-esforçada plana em 'T'
    • Viga pré-esforçada plana com banzo à direita
    • Viga pré-esforçada plana com banzo à esquerda

  • Vigas de fundação
    • Viga de fundação rectangular
    • Viga de fundação plana
    • Viga de fundação em 'T' invertida
    • Viga de fundação com banzo à direita
    • Viga de fundação com banzo à esquerda

As disposições de lajes que se podem introduzir com vigas de betão são:

  • Viga isolada
  • Lajes níveladas
  • Lajes com desníveis
  • Encontro de lajes inclinadas (rincão/laroz)
  • Encontro em beiral de cobertura inclinada

Vigas metálicas

O programa permite introduzir perfis de aço laminado, composto e enformado desde a sua ampla base de dados composta por perfis de grande variedade de tipos e dos principais fabricantes e prontuários. Pode criar perfis compostos a partir de perfis simples com união soldada, chapas laterais, presilhas... Também pode definir perfis de altura variável; vigas Boyd não mistas com alvéolo hexagonal, octogonal ou circular. O programa realiza a verificação da resistência ao fogo e o dimensionamento do revestimento de protecção para os perfis de aço.

As disposições das lajes que se podem introduzir com vigas de metálicas são:

  • Viga isolada

  • Viga com laje em ambos os lados
    Se seleccionar-se laje em ambos os lados, a altura de cada uma delas pode ser diferente, mas ambas devem estar situadas ao mesmo nível.

Introdução de dados

O programa dispõe de dois assistentes de introdução de dados, um que se executa quando se cria uma obra nova e outro para gerar pórticos de vigas dentro da obra.

Assistente para introdução de dados gerais de uma obra nova

Este assistente surge quando o utilizador cria uma obra nova, após indicar seu nome e descrição. Este assistente solicita ao utilizador os seguintes dados:

  • Normas
    O utilizador deve indicar as normas de betão, aço laminado e aço enformado.

  • Betão
    • Materiais
      Define-se o tipo de betão e aço que se vai utilizar nas lajes e fundação.

    • Ambiente
      Define-se a classe geral de exposição e, se é necessário a classe específica de exposição.

    • Limites de flecha

      • Instantânea, por tipo de hipóteses simples
      • Instantânea, por tipo de combinação de acções
      • A prazo infinito, por tipo de combinação de acções
      • Activa a longo prazo, por tipo de combinação de acções

      O utilizador pode importar os limites de flecha prescritos na norma de betão seleccionada. Isto é possível seleccionando o botão Condições de dimensionamento (seta azul situada na parte lateral direita), que fará aparecer um diálogo em que se informa sobre os limites de flecha que se aplicarão se aceitar esse diálogo e que dependem da norma de betão seleccionada.

    • Perdas

  • Aço laminado

    • Tipo de aço

    • Limites de flecha
      É igual ao que sucede com o betão, o utilizador define os diferentes limites de flecha, e dispõe de um botão na parte superior direita do diálogo, que permite obter e configurar os limites de flecha segundo a norma de aço laminado seleccionada.

    • Situação de incêndio
      Permite activar a verificação da resistência ao fogo.

  • Aço enformado
    Dispõe das mesmas opções que o aço laminado.

  • Combinações
    Neste ponto o utilizador pode consultar as combinações que vá a realizar o programa. Também lhe permite criar as suas próprias combinações premindo o botão Configurar combinações para cada estado limite.

  • Acções de cargas
    Aqui se indica a categoria de utilização e as diferentes acções de cargas que vão possuir os pórticos de vigas.

  • Consideração de acções para o cálculo de flechas
    Especifica-se o instante de descofragem, a percentagem de carga e o instante de aplicação da carga das diferentes acções definidas no ponto anterior (Acções de cargas).

Assistente para a criação de um pórtico com todas as vigas iguais

Após finalizar o assistente anterior, o utilizador pode definir os pórticos que desejar na obra gerada. Para isso, deve premir o botão Pórticos da obra (Botão Pórticos da obra), que lhe permitirá definir um ou vários pórticos de vigas com as mesmas características em cada vão mediante o Assistente para a criação de um pórtico com todas as vigas iguais. Após finalizar o assistente, o utilizador pode editar os dados introduzidos e modificar as características de cada vão (vão, cargas, tipos de vigas, tipos de lajes...).

O assistente pede os seguintes dados:

  • Descrição
    • Referência do pórtico
    • Número de vigas
    • Vão livre de cada viga

  • Secção transversal
    Neste ponto indica-se o tipo de viga e as dimensões da sua secção transversal. No ponto Tipos de vigas e disposição de lajes indicam-se os tipos de vigas que se podem dimensionar com o programa e os tipos de lajes que chegam à viga.

  • Lajes
    Neste ponto define-se a disposição das lajes em ambos os lados da viga. No ponto Tipos de vigas e disposição de lajes indicam-se os tipos de vigas que se podem dimensionar com o programa e os tipos de lajes que chegam à viga.

Ambiente do programa. Edição de dados introduzidos pelos assistentes

Clique para ampliar a imagem

Uma vez finalizado o trabalho com os dois assistentes de introdução de dados, o utilizador pode editar todos os dados.

Dessa edição é possível com os diferentes botões ou com os menus.

  • Botões de gestaõ de arquivo Menu Arquivo

  • Menu Dados de obra
    • Botões Dados gerais de vigas Dados gerais de vigas
      Permite editar os dados gerais das vigas de betão, aço laminado ou aço enformado da obra:
      • Materiais
      • Ambiente
      • Limites de flecha
      • Perdas (só para vigas de betão)
      • Situação de incêndio (só para vigas metálicas)

    • Botão Combinações Combinações
      Permite consultar as combinações que vai realizar o programa. Também permite criar combinações próprias do utilizador premindo o botão Configurar combinações para cada estado limite.

    • Botão Acções de cargaAcções de carga
      Edita a categoria de utilização e as diferentes acções de cargas que vão possuir os pórticos de vigas da obra. 

    • Botão Acções a considerar para o cálculo de flechas Acções a considerar para o cálculo de flechas
      Especificam-se o instante de descofragem, a percentagem de carga e o instante de aplicação da carga das diferentes acções definidas no ponto anterior (Acções de cargas).

    • Botão Opções de cálculo Opções de cálculo
      Permite editar as opções gerais do programa, tais como tabelas de armaduras, bibliotecas de elementos, opções de dimensionamento e verificação, etc.

    • Botões Criação e selecção de pórticos Criação e selecção de pórticos
      Mediante estas ferramentas pode abrir o diálogo para acrescentar, eliminar ou copiar pórticos já introduzidos pelo utilizador e seleccionar o pórtico que se deseja editar.

    • Botão Edição de geometria e cargas do pórtico seleccionado Edição de geometria e cargas do pórtico seleccionado
      Abre uma janela onde o utilizador pode editar os vãos, secções, cargas e condições de apoio das vigas que compõem o pórtico seleccionado.

      Nesta janela é possível introduzir desníveis nos extremos de cada viga (botão Botão Disposição da viga) e secções de betão de altura variável (botão Botão Descrição da secção transversal das vigas do pórtico). Se introduzem-se diferentes desníveis nos extremos inicial e final, a viga resultante será inclinada

    • Botão Edição de armaduras e consulta de resultados do pórtico seleccionado Edição de armaduras e consulta de resultados do pórtico seleccionado
      Edita os elementos resistentes que se incluem no pórtico seleccionado: armaduras de reforço, perfis metálicos, maciçados, treliças, conectores, etc. 

    • Botão Verificar Verificar
      Verificar o cumprimento de todas as verificações para uma geometria e armadura. A armadura pode introduzir-se ou calcular-se por meio de um dimensionamento prévio. Pode modificar armadura e verificar se cumpre. Portanto, pode verificar que a geometria do elemento e as armaduras colocadas cumprem todas as limitações. Respeita a armadura introduzida e não a redimensiona. As verificações efectuadas incluem as da norma correspondente, critérios de diversos autores e outros critérios próprios de CYPE Ingenieros. As opções de cálculo do utilizador têm em conta no processo de dimensionamento, mas não na verificação do elemento. Todas estas verificações podem ver-se e imprimir-se na listagem detalhada de verificações de estados limite últimos (E.L.U).

    • Botão Dimensionar Dimensionar
      Calcula automaticamente para que se cumpram todas as limitações estabelecidas pela norma e pelo utilizador. Após o processo, pode obter uma listagem detalhada de verificações de estados limite últimos (E.L.U). Pode ocorrer que não seja possível o dimensionamento, por exemplo, porque não seja suficiente a armadura disposta nas tabelas. Nesse caso, deve rever a geometria e cargas.

  • Menu Configuração
    • Botão Normas Normas
      Permite seleccionar as normas que se vão utilizar no dimensionamento do pórtico seleccionado.

    • Outras opções do menu Configuração
      No menu Configuração existem mais ferramentas que permitem configurar outras opções do programa (unidades, impressora, estilo dos documentos, desenhos, cor de fundo...).

Normas implementadas

Estruturas de betão

As normas de betão que contemplam o programa Vigas contínuas são:

  • ABNT NBR 6118:2007 (Brasil)
    Norma Brasileira ABNT NBR 6118 (2007). Projeto de estruturas de concreto - Procedimento.

    Para esta norma, o programa só verifica a armadura disposta pelo utilizador. Numa próxima versão será possível o dimensionamento das secções de betão armado com a NBR 6118:2007.

  • ACI 318M-08 (USA)
    Building Code Requirements for Structural Concrete.

  • CIRSOC 201-2005 (Argentina)
    Reglamento Argentino de Estructuras de Hormigón CIRSOC 201 (Julio 2005).

  • EHE-08 (Espanha)
    Instrucción de Hormigón Estructural.

  • Eurocódigo 2 (UE)
    Projecto de estruturas de betão.

    • EN 1992-1-1:2004/AC 2008
      Parte 1-1: Regras gerais e regras para edifícios.

  • Eurocódigo 2 (França)
    Calcul des structures en béton.

    • NF EN 1992-1-1 :2005/NA: Mars 2007
      Partie 1-1: Règles générales et règles pour les bâtiments.

  • Eurocódigo 2 (Portugal)
    Projecto de estruturas de betão

    • NP EN 1992-1-1:2010/NA
      Parte 1-1: Regras gerais e regras para edifícios

  • IS 456: 2000 (Índia)
    Indian Standard. Plain and reinforced concrete code of practice (Fourth Revision).

  • NCh 430.Of2008 (Chile)
    Norma Chilena oficial NCh430.Of2008 (Basada en ACI 318-05).

  • NTC 14-01-2008 (Itália)
    Norme Tecniche per le Costruzioni.

  • NTE E.060:2009 (Peru)
    Reglamento Nacional de Edificaciones. Norma E.060 Concreto Armado (2009).

Estruturas de aço laminado, composto e enformado

As normas de aço laminado, composto e enformado que contemplam o programa Vigas contínuas são:

  • ABNT NBR 8800:2008 (Brasil)
    Norma Brasileira ABNT NBR 8800 (2008). Projeto e execução de estruturas de aço e de estruturas mistas aço-concreto de edifícios - Procedimento.

  • ABNT NBR 14762:2010 (Brasil)
    Norma Brasileira ABNT NBR 14762 (2010). Dimensionamento de estruturas de aço constituídas por perfis formados a frio - Procedimento.

  • CTE DB SE-A (Espanha)
    Código Técnico de la Edificación. Documento Básico SE-A. Seguridad Estructural. Acero.

  • EAE 2011 (Espanha)
    Instrucción de Acero Estructural.

  • Eurocódigo 3 (UE)
    Projecto de estruturas de aço.

    • EN 1993-1-1:2005/AC:2009
      Regras gerais e regras para edifícios.

    • EN 1993-1-2:2005/AC:2009
      Estruturas expostas ao fogo.

    • EN 1993-1-3:2006/AC:2009
      General rules – Supplementary rules for cold-formed members and sheeting.

    • EN 1993-1-5:2006/AC:2009
      Plated structural elements.

  • Eurocódigo 3 (Bulgária)
    Design of steel structures.

    • BDS EN 1993-1-1/NA:2008
      General rules and rules for buildings.

    • BDS EN 1993-1-2/NA:2007
      General rules - Structural fire design.

    • BDS EN 1993-1-3:2007
      General rules - Supplementary rules for cold-formed members and sheeting.

    • BDS EN 1993-1-5/NA:2008
      Plated structural planes.

  • Eurocódigo 3 (França)
    Calcul des structures en acier.

    • NF EN 1993-1-1/NA:2007
      Règles générales et règles pour les bâtiments.

    • NF EN 1993-1-2/NA:2007
      Règles générales - Calcul du comportement au feu.

    • NF EN 1993-1-3/NA:2007
      Règles générales - Règles supplémentaires pour les profilés et plaques formés à froid.

    • NF EN 1993-1-5/NA:2007
      Plaques planes.

  • Eurocódigo 3 (Itália)
    Progettazione delle strutture di acciaio.

    • UNI EN 1993-1-1:2010
      Regole generali e regole per gli edifici.

    • UNI EN 1993-1-2:2011
      Regole generali - Progettazione strutturale contro l’incendio.

    • UNI EN 1993-1-3:2010
      Regole generali - Regole supplementari per l’impiego dei profilati e delle lamiere sottili piegati a freddo.

    • UNI EN 1993-1-5:2009
      Elementi strutturali a lastra.

  • Eurocódigo 3 (Portugal)
    Projecto de estruturas de aço.

    • NP EN 1993-1-1/NA:2010
      Regras gerais e regras para edifícios.

    • NP EN 1993-1-2/NA:2010
      Regras gerais - Verificação da resistência ao fogo.

    • EN 1993-1-3:2006/AC:2009
      General rules – Supplementary rules for cold-formed members and sheeting.

    • EN 1993-1-5:2006/AC:2009
      Plated structural elements.

  • Eurocódigo 3 (Reino Unido)
    Design of steel structures.

    • BS EN 1993-1-1/NA:2008
      General rules and rules for buildings.

    • BS EN 1993-1-2/NA:2009
      General rules – Structural fire design.

    • BS EN 1993-1-3/NA:2008
      General rules – Supplementary rules for cold-formed members and sheeting.

    • BS EN 1993-1-5/NA:2008
      Plated structural elements.

  • IS 800: 2007 (Índia)
    Indian Standard. General construction in steel - Code of practice (Third Revision).

  • NTC: 14-01-2008 (Itália)
    Norme tecniche per le costruzioni.

Licença de utilização do programa

O programa Vigas contínuas está disponível para aqueles utilizadores que possuem CYPECAD na sua licença de utilização junto com alguns dos seus módulos, Vigas de betão, Vigas metálicas ou Lajes e vigas de fundação. Aqueles utilizadores que não possuem CYPECAD na sua licença de utilização poderão utilizar o programa Vigas contínuas só com aquisição do mesmo.

Inicio Volver al inicio

CYPE em Portugal · Top - Informática, Lda.
Rua Comendador Santos da Cunha, 304, Ap. 2330 4701-904 Braga- Tel. 253 209 430 - Fax 253 209 439
Av. 5 de Outubro, 72 – 8º C - 1050 – 059 Lisboa - Tel. 21 782 68 10 - Fax 21 782 68 19
Home | Top-Informática | CYPE Ingenieros | Novidades | Produtos | Serviços |
Aviso Legal | Contacte | Sugestões | Subscrição | Noticias | Mapa Web
CYPE Ingenieros, S.A.